QUEM FAZ

A Fabrikafe é uma ideia ligada à minha ancestralidade.

Cresci em uma família de cafeicultores nnas áreas montanhosas na região de Portuguesa, Venezuela. Vi mulheres fortes da minha família costurando o futuro de seguidas gerações. A fortaleza e a sensibilidade delas foram a inspiração para materializar este projeto paralelo à  minha jornada como barista e apaixonada pelo café, criando com as minhas próprias mãos a realidade que gostaria de ver.


Cerquei-me de tecidos e agulhas. Em um universo de memórias, chamado carinhosamente de fábrica, passei a criar filtros, aventais, bolsas e utilidades para quem ama fazer cafés deliciosos. Meu compromisso com atitudes sustentáveis resulta na confecção de peças que demandam pouco corte e refletem durabilidade e praticidade. Para confeccionar cada peça, exploro diferentes materiais, texturas, cores e composições associadas ao conforto e satisfação.

Em 2016, quando cheguei ao Brasil, aos 19 anos, o café chegou novamente na minha vida de forma clara e intensa, junto com o meu primeiro emprego como Barista. Foi então que fez sentido para mim ter saído de casa para me reenccontrar.


Desde então, o café tornou-se meu segundo lar, aquele que garante abrigo onde eu for. Com ele, aprendo idiomas, cultura, amizade e realizo-me profissionalmente, enquanto exploro sentidos, observo e compartilho um pouco do universo inesgotável a partir de um grão. Enfim... ganhou novos significados. Hoje, tenho o privilegio de interagir e trabalhar com pessoas de diversas áreas da cadeia produtiva do café, desde produtores, torradores, baristas e consumidores. A Fabrikafe transmite afeto pelo café e pelas pessoas que fazem parte da minha trajetória. Inclusive você, que me acompanha.

Giovanna Serrano

Full.png

Instagram